Jaboatão efetiva 208 agentes de combate a endemias

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Jaboatão efetiva 208 agentes de combate a endemias

Além de assinar a portaria o prefeito se comprometeu a fornecer vale-refeição .

A tarde desta quarta-feira (26/01) foi de muita comemoração para 208 agentes de combate a endemias. É que o chefe do executivo municipal, Elias Gomes, assinou a portaria que efetiva esses servidores. A cerimônia foi realizada no teatro Ariano Suassuna, do Colégio Souza Leão, em Candeias e estava lotado com os agentes, agora efetivados.

Para Claudemir José, presidente do Sindicato dos Agentes de Saúde e Endemias do município, esta é uma data que deve ser muito comemorada. “Foram muitos anos de luta, mas com os mecanismos legais e a parceria com a atual gestão conseguimos colocar a lei em prática e hoje estamos comemorando mais essa conquista”, disse animado.

Segundo Gessyanne Paulino, secretária de Saúde, a decisão foi tomada baseada na Lei Federal nº 11.350, que assegura a efetivação de agentes comunitários de saúde e de endemias que participaram de seleção simplificada em 2006 e permanecem, mediante contrato temporário em atividades desde a publicação da Lei.

Gessyanne ainda informou que serão contratados novos profissionais até o final deste ano, através de concurso público, para reforçar o quadro municipal de combate às endemias. “Com a efetivação, o governo garante uma permanência maior desses agentes que já têm experiência com o trabalho realizado no município, promovendo a estabilidade no combate às endemias”, disse.

Durante a cerimônia, em seu discurso, o prefeito Elias Gomes, pontuou a ação desses profissionais como importante para a saúde do município e firmou o compromisso de fornecer vale-refeição para todos. “Tenho ciência da luta de vocês, que enfrentam o sol escaldante diariamente para combater doenças. fizemos uns cálculos e posso firmar o compromisso de dar a vocês vale-refeição para melhorar ainda mais”, disse.

Entre os agentes, a efetivação foi recebida com grande animação. Para Clívia Pereira, há sete anos no programa, este é um momento de realização. “Me sinto realizada. Foram anos de luta, toda vez que saia um prefeito tínhamos o medo de sermos colocadas para fora, mesmo fazendo nosso trabalho corretamente. Hoje, já podemos ter a segurança de que temos um emprego seguro pra toda vida”, disse sorridente.

Já para Lúcia Helena, também há sete anos no programa, este é o primeiro passo de uma grande caminhada. “Estou muito feliz, pois conseguimos esta grande conquista, que nos garantirá a produtividade, além do plano de cargos, carreiras e vencimentos, que já conseguimos antes. Esse sem dúvidas é o primeiro passo para muitas melhorias que estão por vir”, disse.

 

Por: Felipe Leite em 26|01|2011 às

2 Comentários


  1. Amigos ajudem nos; como vocês fizerão pra ser efetivados ? Que portaria foi esta? como se deu pode nos dar um exemplo pra gente fazer aqui na cidade de Cormbá – MS > somos 159 ACS a ponto de sermos mandados embor, SABEMOS DA LEI E DA EMENDA MAIS TA DIFICIL TEM QUE SE FAZER ALGUM PROJETO NA PREFEITURA O QUE PODEMOS FAZER????? sOCORRANOS. MEU EMAIL É : rebeca_michiles@hotmail.com


  2. como voçes foram efetivos? como foi feita a portaria pode nos madar um exemplo pra gente fazer a aqui na cidade de palmeirina, somos 8 agentes de endemias, sabemos da lei e da emenda,o que é preciso fazer pra sermos efetivos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *